O jeitinho brasileiro! Por que o brasileiro só quer saber de preço?

Jeitinho Brasileiro

O jeitinho brasileiro é conhecido mundialmente, e até quem não faz jus a esse jeitinho já pode ter usado um dia a expressão para representar a população a qual faz parte ou tê-la utilizado como desculpa há um comportamento constrangedor (feito por um compatriota).

A popularização do tal jeitinho brasileiro nasceu com o personagem Zé Carioca. Criado pelos estúdios Disney para se tornar mais amigável com o país e mostrar a sua simpatia com os brasileiros. 

Um tanto controverso, o papagaio que já tem 75 anos, é malandro e vive sem muitos escrúpulos, é egoísta, desonesto, um pouco machista e mulherengo.

Essa representação do brasileiro virou estereótipo e também incutiu em muitas pessoas.

Mundialmente conhecido por barganhar em todas as situações e por achar que pagar barato é levar vantagem, o jeitinho brasileiro “a lá Zé Carioca” é uma das razões da formação do pensamento e da atitude do brasileiro perante ao consumo.

Achar sempre tudo muito caro e querer descontos é uma atitude quase que instintiva. Não se leva em consideração o preço da mercadoria ou do serviço. 

Só se quer saber em pagar mais barato e contar a vantagem aos amigos.Este comportamento coletivo cria uma falsa visão sobre o valor real do produto ou do serviço. 

A base das relações, tanto afetivas como comerciais, é a sinceridade. Mas muitas vezes vemos as propagandas falarem benefícios e vantagens que não são entregues ao cliente, o que gera o desapontamento e a sensação de que se fora enganado.

Aí a lógica do pensamento é: já que eu vou ser enganado e não vou receber o que foi vendido, vou logo pedir um desconto para não me arrepender no final.

Ou seja, não importa a qualidade, e sim o preço final.

Mas, esta realidade não é válida para todos os casos. Quando a relação comercial estiver alicerçada em boas maneiras, à venda oferece a solução real e o consumidor paga o valor justo.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizou um levantamento buscando entender qual é a percepção da população sobre a confiança.

Acompanhe o infográfico abaixo:

desconfiança BrasilFonte: Confederação Nacional da Indústria (CNI) – 09/2012.

A pesquisa da CNI mostra a percepção dos entrevistados em relação a forma de agir do brasileiro e como reflete no jeito com que tratamos as pessoas, mesmo as mais próximas do nosso círculo afetivo: 82% acham que a maioria age querendo tirar vantagem, enquanto só 16% dos entrevistados acham que as pessoas agem de maneira correta.  

Quando o assunto é confiança, o número também é alto: 62% dos brasileiros não têm nenhuma confiança.

O levantamento aponta que o Nordeste é a região onde as pessoas mais acreditam estar sendo passadas para trás, 89% os entrevistados acham que os outros querem tirar vantagem e só 9% acreditam que as pessoas agem de maneira correta. Na sequência vem a região Sul, com 85% de grau de desconfiança, seguido pelo Sudeste (81%) e Norte/Centro-Oeste (71%).

Mudar este comportamento é difícil, mas não é impossível. 

Da mesma forma que ele nasceu e foi impregnado na sociedade, pode ser dissolvido e desaparecer. 

A disciplina e a boa educação são os motores que podem fazer este mecanismo mudar a sua rotação, e entrar em um ciclo de compras e vendas amigável e honesto.

Esta mudança comportamental e da nossa autoimagem como consumidores e brasileiros pode começar agora, ela só depende de você!

Sem jeitinho brasileiro e, pagando menos por folha impressa

DILEMA

Das duas umas: o potencial consumidor que vai até o seu outsourcing de impressão está buscando reduzir custos de impressão OU você vai até o potencial consumidor a ser prospectado e vende a redução dos custos com impressão.

Podemos concluir que o empresário está buscando pelo menor preço e que você está oferecendo um serviço com menor custo.

Este ou aquele – Porque o cliente escolhe o concorrente e não você?

O interesse está no dinheiro, no valor monetário a ser investido e o retorno que ele dará e a que prazo.

SOLUÇÃO

A melhor solução é a compreensão e o entendimento. É necessário conhecer as dores de seu futuro cliente para depois sim oferecer o serviço adequado e justo. 

Identifique onde estão os gastos mais pesados, se há algum custo invisível, realize uma avaliação rigorosa, forneça informações originais e soluções adequadas.

O real custo da impressão: Custos Visíveis e Custos Invisíveis

Infográfico custos visíveis e invisíveis em outsourcing de impressão.
Dados tirados de pesquisa realizada pela IDC.
Veja mais aqui: Vantagens em contratar um serviço de outsourcing de impressão

Explique de forma clara como funciona a precificação e o seu serviço de outsourcing de impressão. 

Faça com que o potencial consumidor perceba o real valor da solução oferecida. Mostre o valor (e o preço) do seu produto na prática.

Soluções inteligentes precisam ser valorizadas, e tornam-se indispensáveis.

DIFERENCIAL

Ofereça um serviço de outsourcing de impressão diferente do usual. Inove! Crie uma experiência de consumo incrível para o seu cliente e para os colaboradores da empresa que irão utilizar o seu serviço.

Transforme a solução em algo simples e diferente, que seja extraordinário, para que surpreenda e engaje o cliente.

E o jeitinho brasileiro …

… ainda existe? Neste caso não. Ele já se dissolveu! E você foi o grande responsável por isso. Realizando uma venda consciente e encantadora, solucionando problemas de forma criativa e aplicando preços justos.

Agora, se você quer saber exatamente o quanto você gasta e o quanto pode ter de retorno por impressora é só baixar a Planilha de Custo Total de Propriedade.

Esta planilha vai auxiliar você a detalhar todos os custos envolvidos na vida útil da impressora e analisar os prós e contras antes de realizar a compra de novos equipamentos para o seu parque de impressão.

Para fazer o cálculo do CTP é preciso considerar os seguintes custos: impressora, unidade do papel, da manutenção e dos suprimentos. 

Além desses custos você precisa considerar algumas informações do uso da impressora, como o: volume das impressões por mês, volume das páginas por troca dos suprimentos, volume das páginas por manutenção preventiva e, a vida útil em páginas. 

Imagem convite para acessar a Planilha de Custo Total de Propriedade.

Quando eu devo fazer o cálculo do CTP e por quê? Clique no Link e saiba mais!